0 Vamos economizar dinheiro?




Foto de Pinterest.


Oi! Vamos falar de coisa boa?

Dinheiro pode ser uma coisa muito boa... quando você TEM. No entanto, essa não é a realidade da maioria das pessoas. Isso pode ser em razão de uma renda baixa, mas também acontece por falta de organização de uma renda que deveria garantir uma vida razoável.

Eu não sou nenhuma especialista em guardar dinheiro e quem acompanhou o PROJETO POUPA LAÍS viu de perto essa minha relação complicada com as finanças, mas a minha vida tem cada vez mais sido direcionada no sentido de “cortar gastos” (especialmente desde que eu deixei meu emprego pra fazer mestrado) porque a cidade onde eu vivo está cada vez mais cara. O Rio de Janeiro está caro pra morar, pra comer, pra beber, pra se locomover, pra estudar e pra muitas outras coisas e é impossível continuar gastando como se nada estivesse mudando à minha volta.

É horrível sentir que seus próprios hábitos te sufocam financeiramente e eu imagino que muitos de vocês passem pelo mesmo problema. Por isso, resolvi procurar algumas dicas práticas (que fossem realmente muito fáceis de seguir) pra economizar dinheiro.

Como eu já disse em outro post, quanto mais você pensa em dinheiro, mais você tem dinheiro. O que eu quero dizer com isso? Que precisamos racionalizar o gasto de dinheiro. Ou seja, comprar com consciência e reduzir os gastos por impulso.

Isso é muito difícil. Não estou falando aqui com nenhuma propriedade, como se eu fosse capaz de fazer isso sem nenhum esforço. Afinal, somos humanos. Não existe um botão que a gente aperta e todos os nossos hábitos de consumo estão corrigidos. Não é uma ciência exata.E, aparentemente, é muito difícil encontrar aconselhamento financeiro que leve isso em conta. Uma coisa que me deixa meio aflita, por exemplo, é só encontrar dicas de economia que não condizem com a minha realidade ou a realidade das pessoas da minha idade. Eu não tenho sequer condições de ouvir falar em investimento... minha realidade simplesmente não comporta esse tipo de coisa. Eu preciso de métodos para conseguir gastar menos do que eu tenho, guardar dinheiro para realizar metas e viver uma vida relativamente normal (sem deixar de me divertir, tendo que abrir mão de tudo para economizar). Então, pensei em reunir neste post as dicas mais promissoras para pessoas com mais ou menos o mesmo estilo de vida que eu. Basicamente, jovens adultos.

Neste espírito (de jovem adulta que quer ter controle sobre as contas sem surtar), procurei alguns vídeos com ideias interessantes e POSSÍVEIS para economizar dinheiro. Prepare-se para essa viagem... hahaha!

“Essas coisas que você faz sem perceber são as que te fazem gastar mais dinheiro”





Antes de mais nada, você tem que assistir a esse vídeo. Acho que ele poderia ser a definição do que eu quero fazer com a minha vida financeira daqui pra frente. Nele, a Isabella, do Fotografando à Mesa, e a Stephanie, do Chez Noelle, dão dicas maravilhosas e supersimples pra economizar grana sem ficar paranoico. As melhores são:

* Ao receber o salário, pague logo todas as contas

* Faça rolês de dia em vez de fazer rolês de noite (o que no carioquês seria: saia de dia em vez de sair de noite)

* Pare de comer fora

* Anote todos os seus gastos


“É muito importante que você não fique com essa sensação de que tá preso em casa porque você não tem grana”





A Isa e a Sté também fizeram um vídeo muito bom com dicas específicas pra economizar nos rolês. Elas falam mais especificamente de São Paulo, mas há dicas que valem pra todo mundo. As mais legais são:

* Siga páginas e sites que anunciem rolês baratos

* Use o que a cidade tem para oferecer (parques, praças, praias, calçadões)

* Faça social na casa dos amigos

* Faça as refeições principais em casa e só tome um café ou uma sobremesa na rua

* Pesquise museus e centros culturais com entrada gratuita ou bem barata

* O mais importante são as pessoas e não o lugar


“Se você não precisa, não compra!”





A Nathalia, do Me Poupe, tem um canal especializado em dicas para economizar dinheiro e deu algumas bem úteis neste vídeo. Minhas preferidas são:

* Defina metas de curto,médio e longo prazo e coloque-as no papel

* Evite desperdiçar, compre a quantidade que realmente vai precisar usar ou comer

* Pesquise preços e peça desconto antes de comprar


“Se você tem dinheiro guardado, pague sua dívida”





A Fran do canal Fran Guarnieri é muito focada em metas e tem boas ideias para manter o saldo no azul. O mais interessante é que ela dá dicas para situações mais incômodas como dívidas ou gastos emergenciais. Vale a pena dar uma olhada nestas dicas:

* Faça um PMS (Patrimônio Mínimo de Sobrevivência)

* Foque primeiro em quitar suas dívidas e depois em juntar dinheiro

* Estipule metas de tempo e quantidade para guardar dinheiro


Eu também tenho algumas dicas pessoais que são pouco discutidas, mas que fazem uma diferença considerável:

* Cuide das suas coisas como se elas precisassem durar para sempre

Tudo o que está em bom estado, não precisará ser substituído tão cedo e isso significa menos gasto de dinheiro. Essa dica vale pra tudo: roupas, sapatos, bolsas, eletrônicos, eletrodomésticos e até mesmo um imóvel ou um carro. Se você usa, limpa e conserva de maneira correta, seus objetos vão durar muito mais e, melhor ainda, se você quiser se desfazer deles, poderá vendê-los por um preço razoável porque estarão em ótimo estado.


* Aprenda a consertar em vez de jogar fora

Quando eu era adolescente, o fecho da minha mochila quebrou. Adivinha o que eu fiz? Fiquei com muita raiva e joguei ela no lixo. Umas horas depois, quando meu pai foi jogar alguma coisa na lixeira viu que a mochila estava lá. Ele não disse nada, simplesmente pegou do lixo, limpou, consertou o fecho (que ele percebeu que estava quebrado) e me devolveu em perfeito estado. Nesse dia, eu morri de vergonha. Na minha ansiedade de poder gastar dinheiro comprando outra mochila, eu joguei uma mochila que eu adorava no lixo sem nem me preocupar se havia conserto pro defeito dela. Depois disso, eu usei a mochila por muitos anos e ela me acompanhou até durante a faculdade.

Espero que este “catálogo de dicas” tenha te inspirado a economizar dinheiro e, principalmente, usar sua renda de forma mais consciente. Lembrando: Ver muitas dicas assim reunidas pode ajudar, mas só se você fizer algo em relação a elas.

O mais importante é identificar as dicas que mais podem contribuir para o seu dia a dia e não esquecer de colocá-las em prática até que elas se tornem hábitos.

Minha próxima meta é desenhar um novo desafio de economia adaptado à minha realidade atual. Eu vou atualizar meus avanços aqui no blog sempre que possível. Com apoio, sempre fica mais fácil!

Se tiverem outras dicas e ideias de economia, não esqueçam de contar nos comentários!


Beijos
Comentários
0 Comentários

Comentário(s)

Nenhum comentário:

Postar um comentário